TJSP – Negada indenização a moradora que perdeu casa em inundação

março 18, 2015
admin
CompartilheShare on Facebook0Tweet about this on Twitter0Email this to someoneShare on Google+1Share on LinkedIn0Pin on Pinterest2Print this page
materia3

Decisão da 13ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve sentença que julgou improcedente pedido de indenização formulado por moradora que perdeu sua casa em enchente ocorrida na capital paulista.

A autora afirmou que, após perder o imóvel em decorrência de inundação que atingiu a cidade em janeiro de 2010, a Municipalidade comprometeu-se a pagar bolsa-aluguel e a indenizá-la pelos danos sofridos. Porém, alegou ter recebido apenas o benefício para pagamento do aluguel, razão pela qual ajuizou ação indenizatória, que foi julgada improcedente. Ela pleiteava o pagamento de R$ 120 mil a título de danos morais e materiais.

Para o desembargador Augusto Francisco Mota Ferraz de Arruda, a moradora residia irregularmente em área de preservação permanente e ambiental, insuscetível de apropriação por particulares e de usucapião. “Como cediço, mera detenção não autoriza o acolhimento do pleito indenizatório em contrapartida ao risco consciente assumido pelos moradores da Várzea do Tietê, em que pese o respeito ao sofrimento a eles impingido pelo desastre. Não há, ainda, qualquer elemento indicativo de que o Município tenha contribuído para a eclosão do evento danoso. Diversamente, o tratamento dispensado pela Municipalidade às famílias desabrigadas não consubstancia ato ilegal ou de abuso de poder.”

Os desembargadores Souza Meirelles e Borelli Thomaz também participaram do julgamento, que teve votação unânime.

Apelação nº 1005383-89.2014.8.26.0053

Fonte: Tribunal de Justiça de São Paulo

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>